para compartilhar sabores e lembranças olfativas daqui e de outras terras...como o nhoque da nona, o arroz com bacalhau de vovô, as almondegas de minha mãe, o risoto de linguiça do meu pai, o thanksgiving dinner da mammy, o german chocolate cake da cindy, o doce de leite de tia mercedes, o doce de cidra da aninha, o doce de mamão da célia, o doce de pera da margarida, as pimentas da celha, os bolos da semiramis, os patês da rosana e por ai vai....


quinta-feira, 16 de outubro de 2014

WBD2014 - pão bicolor com urucum

mais um ano participo deste evento internacional WBD 2014 organizado pela Zorra para comemorar o dia do pão.
costumo dizer. que fazer pão além de ser um sacerdócio é um excelente exercício de paciência.
assistir a  transformação da massa pelo levedo e pela ação do calor, o aroma do pão assando invadindo a casa, a manteiga derretendo, são momentos raro prazer.


nas minhas ultimas postagens no WBD procurei sempre optar por receitas que possam ser reproduzidas ao redor do mundo sem dificuldades, com ingredientes simples, porém neste ano optei por usar, urucum (Bixa orellana), o nosso colorau.


segui em frente com o projeto, apesar de não ter certeza, de que esta especiaria poderia ser encontrada com facilidade, porém, quem desejar reproduzir o pão, poderá fazer usando, curcuma ou açafrão da terra (Turmeric), curry,  páprica doce ou outra especiaria colorida para dar o mesmo efeito.


pão bicolor de urucum

1 ovo ligeiramente batido
2 colheres de margarina com sal
2 colheres de sopa de óleo de canola
2 colheres de açúcar
1 colher de sopa de sal
2 colheres de chá de fermento seco biológico
aproximadamente 800 g de farinha de trigo branca
250 ml de agua mineral

2 colheres de sopa de urucum (colorau caseiro) para usar na segunda massa
2 colheres rasas de chá de sal para usar um colher em cada massa

  1. junte todos os secos a parte da farinha, aproximadamente 400, exceto o colorau e o sal
  2. junte os líquidos e misture com uma espátula, depois de bem misturada, ficará uma massa pegajosa e muito hidratada, 
  3. separe com a ajuda da espátula a metade da massa e passe para outro bowl
  4. agregue parte da farinha e e o sal até obter uma massa lisa e homogênea,
  5. no outro bowl, misture parte farinha ao colorau  e amasse até obter a massa lisa e homogênea
  6. as massas devem ficar macias
  7. deixe crescer por 1 hora, quando o crescimento estiver completo, abaixe a massa para tirar o ar
  8. abra cada massa em retângulos de tamanhos iguais
  9. sobreponha um retângulo sobre o outro
  10. enrole e dê o formato desejado
  11. dê piques no pão e polvilhe farinha
  12. deixe crescer por mais 45 mim e leve ao forno até dourar

este efeito bicolor deu um toque especial aos pães servidos com frios e patês

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

ora, pitangas!!! faz seis anos...e tem naked cake de frutas

seis anos...
como de costume no aniversário do blog faço sempre, uma reflexão, constato hoje uma enorme diferença entre o primeiro ano e o último ano do blog, seja na forma de blogar, nas fotos mais elaboradas, nos acabamentos mais atraentes, enfim mudanças para melhor, porém o norte é o mesmo, compartilhar, agregar, partilhar e especialmente aprender e reforçar os laços de amizade.
neste ano optei por postar um bolo de festa, um bolo de comemoração. 
quero falar especificamente de alegrias e das amizades conquistadas no decorrer dos anos,via comentários, visitas,  encontros, telefonemas, e mails, in box etc e tal.
claro que não posso deixar de mencionar, as edições do encontro gourmet, quando  pudemos conhecer muita gente, blogueiros de norte a sul, muitos de nossos seguidores e leitores, sempre momentos muito especiais e de imensa alegria.
muitos são colegas blogueiros, outros são blogueiros que admiramos, que nos ajudaram dar o start no nosso blog, nem digo ajuda no sentido exato da palavra, mas sim aquela ajuda chamada: inspiração e coragem de começar.
nem estou falando de blogueiros estrelas, famosos, estou falando de blogueiros com cozinha do dia a dia, cozinha simples, gente que realmente fez e faz diferença na minha vida de blogueiro.
muita gente querida que apesar de distancias, são pessoas tão próxima do nosso convívio.
isto sem falar, daquelas pessoas que adoramos receber na nossa casa, cozinhar para elas, vibrar pelas suas conquistas, sofrer com suas angustias, enfim pessoas especiais que jamais teríamos contato se não fosse esta experiência única de ter um blog.
desta vez, quero agradecer aos blogueiros queridos que sempre estiveram do meu lado, de uma forma mais especial, mais particular, que me inspiraram  e que continuam me inspirando a seguir nesta aventura de ter um blog.
o ponto alto de todas as amizades conquistadas, veio no final do ano passado quando experimentei uma experiência única e particular  que acabou tomando um rumo inesperado, blogueiros ao redor do mundo assistindo e se emocionando ao mesmo tempo com a apresentação do chegadas e partidas da GNT que foi gravado com a querida Léia e comigo no aeroporto de Guarulhos, num momento muito especial da vida dela.
na ocasião, recebemos uma enorme demonstração de carinho de tanta gente, daqui e de vários lugares do mundo. pura emoção para nós!
foi um momento mágico e que só foi possível pelas amizades conquistadas e pelas mídias que o blog nos permitiu conquistar.
externo aqui, neste post,  a minha enorme gratidão pelo carinho e atenção que tenho recebido nos últimos seis anos.
saibam que cada um de vocês tornam meus dias mais alegres.
e agora rumo ao ano VII do ora, pitangas!!!


naked cake de frutas frescas

bolo: pão de ló de laranja
  1. asse cada receita em duas formas iguais, não corte o acabamento é melhor
  2. neste bolo usei duas receitas, a primeira para dividir o bolo base e a outra para os 4 bolos menores
  3. não unte as beiradas da assadeira
  4. unte o fundo e utilize papel manteiga untado para assegurar o acabamento
  5. polvilhe o bolo com açúcar antes de virar, para evitar que o bolo grude no prato de apoio
  6. utilize depois de completamente frio
  7. não umedecer os bolos com suco, a fruta fará este papel
creme: creme de confeiteiro e creme tipo chantilly de caixinha,  a mescla é mais creme de confeiteiro frio do que creme tipo chantilly batido na hora para não fica muito mole. nunca usei creme de leite fresco.

frutas: podem ser todas vermelhas ou somente morangos, carambolas, kiwis, goiabas, mangas, uvas, phisalis.
só não recomendo frutas que oxidam (maçã, peras) ou que soltem agua (laranjas, abacaxi)

montagem:
  1. use um prato maior do que o bolo base, para poder enfeitar com as as frutas
  2. coloque o bolo base, "cole" no fundo do prato com um pouco do recheio, para evitar deslizamento
  3. recheie do centro para as beiradas deixando um 5 cm de borda, para confeitar usando o bico perle ou pitanga
  4. coloque as frutas apenas na parte central do recheio para não desmanchar os picos
  5. proceda assim até montar todos os bolos
  6. enfeite o topo com o bico de confeitar e disponha as frutas
  7. por ultimo use açúcar de confeiteiro, preferentemente o açúcar gelado

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

pão de mel embalado

o melhor de fazer pão de mel é o aroma das especiarias que fica na cozinha.
normalmente faço muitos, pela manhã asso os bolinhos, a tarde recheio e cobertura, a noite acabamento.
o dia todo a casa exala aromas como cravo, canela, chocolate. 
adoro!


















pão de mel
2 xícaras de farinha de trigo peneiradas
1/3 de xícara de chocolate em pó
1/2 xícara de açúcar mascavo
2 colheres de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de café de fermento em pó
1 colher de chá de cravo moído
2 colheres de chá de canela em pó
1 xícara de leite
1/2 xícara de mel
2 colheres de margarina
1 ovo
misture o ovo, o mel e a margarina, reserve. peneire todos os secos.
agregue aos poucos os secos e o leite a mistura do ovo, margarina e mel, quando a mistura estiver homogênea, como uma massa de bolo, despeje nas forminhas de pão de mel, untadas com margarina sem sal, e leve para assar em forno médio por 12 minutos.
retire da forma, e coloque sobre uma grade para esfriar.

esta receita rende 20 unidades na forma de 8 cm.
 

montagem:

cortar ao meio e rechear com brigadeiro ou doce de leite
 

cobertura:

  1. derreter chocolate ao leite ou chocolate em moedas especial para banhar
  2. banhar um a um, usando o garfo especial
  3. deixar secar sobre o papel alumínio na geladeira por 10 minutos
  4. retirar da geladeira
  5. deixar descansar até que o chocolate volte a brilhar
  6. ai então pode embalar

















aqui já finalizados recheado com doce de leite, cobertos com chocolate ao leite e acabamento de chocolate branco.


Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

bolo halloween red velvet

halloween já esta chegando...

















este bolo foi do ano passado, usei a receita da Cinara, aprovadíssima, alias como todas as receitas postadas pela querida Cinara. grata querida!



















red velvet
inspirada na receita da Cinara
fonte daqui

1/2 xícara de açúcar
1/2 xícara (100g) de manteiga, em temperatura ambiente
2 ovos, em temperatura ambiente
2 1/3 xícaras de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de chocolate em pó
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 colher (chá) de fermento em pó
1/2 colher (chá) de sal
1 xícara de buttermilk
1 1/2 colher (sopa) de corante alimentício vermelho
1 colher (chá) de baunilha
1 colher (chá) de vinagre branco


1. Pré-aqueça o forno a 180°C. Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar durante 3 minutos, na velocidade média, até formar um creme leve.
2. Adicione os ovos, um de cada vez, batendo até incorporar. Não se esqueça de limpar os lados da tigela.
3. Em uma tigela grande, peneire a farinha, o chocolate em pó, o bicarbonato, o fermento e o sal. Em outra tigela, misture o buttermilk, o vinagre, a baunilha e o corante vermelho.
4. Adicione ao creme os ingredientes secos e os líquidos, alternando até terminar com os ingredientes secos.
5. Distribua a massa em duas formas usei de 28 e 25 cm, forradas com papel manteiga. asse em forno médio













o recheio e a cobertura é uma mescla de creme de confeiteiro e chantilly até  dar o ponto e consistência desejada.
neste foi mais creme confeiteiro que chantilly pois eu queria um efeito mais rústico.


















aqui o bolo com as aranhas de plástico

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

torta de maçã com bordinha


torta de maçã com massinha de bolacha é sempre uma boa opção para aquela sobremesa de domingo, para levar no almoço na mãe, na sogra, para agradar quem te convida, enfim algo simples mas que sempre agrada e nem dá tanto trabalho assim.

















  1. escorra numa peneira
  2. seque ligeiramente com papel toalha
  3. fatie as maçãs e deixe de molho em agua gelada e suco de limão por 10 mim
  4. faça o creme, o seu favorito 
  5. o meu favorito creme é este da Cherry blog da Cozinha é Poesia, que é uma pena o blog estar desativado, outro cremes você encontra no blog aqui e aqui
  6. 500 ml de leite
    5 colheres (sopa) “cheias” de amido de milho
    1 lata de leite condensado (395g) – “deve estar bem gelado”
    1 lata de creme de leite sem o soro (300g) – “deve estar bem gelado”
    Dissolva o amido de milho em parte do leite. Numa panela grossa (preferência com cabo) acrescente o amido dissolvido e o restante do leite.
    Cozinhe em fogo médio/baixo sempre mexendo até engrossar, deve resultar num creme “bem firme”.
    Passe-o para a tigela da batedeira, cubra com filme plástico (PVC) e leve para a geladeira para que fique bem gelado.
    Então o retire da geladeira e bata com a batedeira até ficar cremoso novamente. Sempre batendo vá acrescentando o leite condensado que deve estar bem gelado e depois acrescente também o creme de leite também gelado e sem o soro.
    Bata até ficar volumoso e homogêneo. Leve novamente para gelar até o momento de usá-lo.

















  1. para este pirex 2 pacotes de bolachas trituradas
  2. peneire e separe a parte mais grossa para fazer a borda, se for necessário triture um pouco mais
  3. derreta 100 gramas de manteiga sem sal  e junte as bolachas trituradas
  4. forre o fundo do pirex















  1. faça uma caldinha com 1 xícara de suco de laranja peneirado, 1 colher de sobremesa de amido de milho e umas gotas de groselha, leve ao fogo até engrossar ligeiramente como é necessário estar frio para empregar, esfrie agregando 1/4 de xícara de agua gelada mexendo sempre. reserve.
  2. coloque o creme sobre a massinha de bolacha
  3. cubra com as maçãs
  4. despeje a caldinha
  5. faça as bordas com a parte mais grossa das bolachas
















leve para gelar por pelo menos 3 horas

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

bem casados

na semana passada,
 fiz os bem casados para o casamento do meu sobrinho

















foi um enorme desafio, porque eram muitos

















aqui já recheados aguardando embalar






















arrumadinhos na festa


















mais de pertinho

















vistos de um outro ângulo


















fiz com um enorme carinho e muita vibração positiva

















felizmente deu tudo certo, foram aprovadíssimos!

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

bolo de chocolate # 70

não tem erro chocolate sempre agrada...
normalmente toda semana tem bolo por aqui, quase sempre bolos simples, sem coberturas no máximo com um caldinha de laranja, limão ou coco.
porém, tem dias, que um bolo de chocolate com recheio e cobertura é tudo!

















na verdade o bolo não tem nada demais e para reproduzir um bolo como este, faça assim:
  1. use a sua receita de bolo de chocolate, aquela que você mais gosta ou que você acerta melhor
  2. faça um brigadeiro mole e junte creme de leite, neste usei duas latas de leite condensado e uma caixinha de creme leite, além é claro, do chocolate e manteiga sem sal
  3. corte o bolo, umedeça a gosto, com chocolate e leite, leite de coco, chá de cravo e canela, etc
  4. recheie com a metade do brigadeiro 
  5. cubra com o restante do brigadeiro, faça linhas com um garfo para decorar


















caso você queria seguir uma receita aqui está

bolo de chocolate
para a massa

bater no liquidificador, 1 copo de iogurte (usei coalhada), 4 ovos inteiros, 3/4 de xícara de óleo e 1 xícara de chocolate (em pó).
peneirar em uma tigela 2 xícaras de farinha de trigo, 2 xícaras de açúcar e 1 e 1/2 colher de sopa de fermento em pó, e uma pitada sal, em seguida despejar aos poucos a batida mexendo bem levemente com uma colher de pau. despejar em forma untada e enfarinhada e assar em formo médio por 30 minutos

recheio e cobertura

2 latas de leite condensado,
2 colheres de manteiga,
6 colheres de chocolate em pó,
não deixar o brigadeiro muito firme,
juntar 1 caixinha de 200 g de creme de leite.
corta o bolo, rechear, cobrir o bolo e riscar com garfo
*antes de rechear costumo regar o bolo com leite e chocolate.




Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

terça-feira, 12 de agosto de 2014

pull apart de calabresa e alho # 115

mais um pull apart 
desta vez a massa leva  cebola e alho e para o recheio calabresa processada com cheiro verde e mais alho douradinho


pull apart de alho e calabresa
texto e receita Cozinhando com Josy

400 a 500 g de farinha de trigo branca
16 g de fermento biológico fresco (usei 2 colheres de chá de fermento biológico granulado)
60 ml de água morna
80 ml de leite morno (processei o leite e a agua com cebola e alho)
60 ml de azeite de oliva
1 colher (sobremesa) de açúcar
1 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de orégano seco
1 colher (chá) de açafrão (não usei)
2 ovos (à temperatura ambiente)




Desfazer o fermento na água morna com o açúcar e uma colher de sobremesa de farinha. Peneirar a farinha de trigo, e acrescentar o orégano e o sal.

Abrir uma cova no centro e juntar os ingredientes líquidos (bati no liquidificador o leite, a agua, uma cebola pequena, 3 dentes de alho, o azeite, e os ovos)
Adicionar o fermento e incorporar bem todos os ingredientes. Amassar um pouco.

Obtém-se uma massa úmida e pegajosa. Deixe descansar até duplicar de volume, cerca de 2 horas.

Em seguida, espalhe cerca de 3 colheres de sopa de farinha sobre a bancada e trabalhe um pouco a massa. Deixe descansar por mais 1 hora aproximadamente.

Abra a massa e faça um retângulo, espalhe o recheio calabresa processada, alho douradinho no azeite e cheiro verde, empregue frio.
Corte a massa em cinco tiras mais ou menos iguais. Sobreponha as tiras com cuidado.
Corte em 5 partes com a largura da forma.
Coloque os pedaços em uma forma de buraco untada e enfarinhada e deixe descansar por mais 30 minutos.
Leve ao forno pré aquecido a 180ºC, durante 35 minutos ou até dourar.


Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

sábado, 2 de agosto de 2014

pão de cebola caramelada #114


raramente aparece por aqui cebolas espanholas, na verdade são raridade, porém encontrei por acaso e não perdi a oportunidade.
ficaram perfeitas na sopa de cebola e o que sobrou virou recheio.

poderia ter feito este pão com qualquer cebola, porém a cebola espanhola caramelizada é sensacional.

















usei uma massa de pão simples, massinha básica.
para rechear caramelizei as cebolas com açúcar cristal e um tiquinho de manteiga e azeite, nada de sal.
separadamente saltei ligeiramente lombo canadense depois de esfriar, abri a massa e espalhei as cebolas, o lombo salteado, ralei queijo reino, o suficiente  dar cremosidade ao recheio.
moldei os pães, dei piques, montei os pães geminados e salpiquei um pouco mais de queijo reino
forno até corar.

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF

quarta-feira, 30 de julho de 2014

tortellini

para dias frios...
pasta e vinho, simples assim

















massinha italiana com recheio de queijo

















molho de tomates italianos













linguicinha calabresa, ervas e um toque de manjericão


e um bom chiante, precisa mais alguma coisa?
precisa sim...de boa companhia, boas risadas, paz e harmonia!

Bookmark and Share
Print Friendly and PDF